super poderes…

atripa

 

Assunto: E eu esqueci de contar uma coisa…
“Acho que nunca vou conseguir te mandar um email só, rs.
…. Te disse que ia viajar e levar uns RoNcas pra me acompanharem no relax… Levei 40 programas, rs… e Por 11 dias o RoNquinha nos embalou e ganhou mais uma fã… Minha mãe
Roubava o meu fone de ouvido, todo dia pela manhã me perguntava “E hoje, não tem música? Cadê o RoNca RoNca? Esses dois são muito engraçados!”
Enfim… Dona Dulci, que sempre foi movida por música como todos nós e me ensinou o valor e os “super poderes” de um bom som na cachola, se tornou a mais nova integrante da Tripa, com muito orgulho!
Abraço!!!”
:)
Luana

negativos & positivos (400) [andy summers]…

UAU, negativos & positivos (400)… QUATROCENTÃO, quem diria, hein?

para celebrar, aqui está um gigante da guitarra que passou por soft machine, kevin coyne, the animals, kevin ayers, zoot money, robert fripp…  e dizem: foi dele a primeira guitarra que jimi hendrix usou quando chegou na capital inglesa, em 1966.

segura o colega fotógrafo (ótimo) quando veio ao brasa com o the police…

andy.tico

andy summers  /  rio de janeiro  /  fevereiro1982

do choro ao psicodélico…

atripa

Assunto:SÃO MUITAS EMOÇÕES
“A Lua Girou no Ronca Ronca é como a prova de que a vida anda certo pelas linhas tortas.

Respeito de coração o trabalho que vocês têm feito e a forma como valorizam a música, os(as) compositores(as), os(as) artistas e suas nacionalidades, colocando todos num mesmíssimo patamar de importância e genialidade.

Que bom. É disso que a gente (gente do Brasa, gente do mundo) precisa.

Seguindo aprendendo muito aqui. O especial do Family foi muito massa – eu não conhecia nadinha, somente as indicações do Ed Motta que rolou no outro programa (aquela aula completa ahaha).

Eu sou muito fã do Taiguara. Fiz meu TCC sobre ele, sobre o Samba na obra dele. Tenho certeza que é um artista que dialoga completamente com as intenções do programa, sobretudo nos discos que não ficaram tão conhecidos (dos 13 discos lançados, ele é lembrado quase somente pelos 4 que compreendem a época dos “Festivais”). Vai do choro ao psicodelico. Tenho as músicas e posso mandar o trabalho também pra saberem do que se trata.

Tenho uma banda também e queria enviar o disco – nem que for para conhecerem. Qual o endereço do correio?

Abração e no aguardo do #195.”

Pedrinho

negativos & positivos (399) [paul simon & banda]…

não sei qual é a turma no apoio vocal (na fotografia) mas juntinho a paul estão steve gadd (bateria), tony levin (baixo) e eric gale (guitarra)… no teclado, deveria ser richard tee mas não o reconheço carequinha e branquelo assim. alguém aí identifica o boneco? pra facilitar, essa é a turnê de lançamento do disco “one trick pony”

paul.tico

paul simon & banda  /  odeon hammersmith (londres)  /  novembro1980

suaNdo…

atripa

Assunto: e na capa da Cracks…
“Alô, Mister! Td certinho?

Impossível não pensar no RoNquinha quando ouço falar das meninas do Warpaint. Elas estão anunciando o disco novo na capa da Cracks, uma revista distribuída em formato físico em Londres e Berlin, mas que pode ser lida online aqui:
http://crackmagazine.net/article/music/warpaint-breathe-out/

Em novembro elas tocam aqui pertinho de casa e claro que estarei lá na primeira fila, torcendo por pegar uma gota do suor da baixista :)
Aquele abraço”
João (Berlin)

amazing grace…

Assunto: #194
“Pqp…o que foi a Grace Jones ecoando pelo #194?!?!?!
Sensacional!
Parabéns por mais uma pérola. Impressionante como o feeling do programa é o mesmo desde 1994/1995 quando ouvi o Radiolla na Globo Fm pela primeira vez…
Mauricio, como consigo/compro/alugo uma camisa do programa??? A minha última é de 2005/2006 quando peguei com você numa festa, acho que no Teatro Odisseia… ela ainda está aqui, como mostra a foto, mas não cabe mais depois 10 anos de cerveja…
Um forte abraço!”
Tadeu.
ronca.tadeu

é de pequenino que se torce o pepiNo…

lucas

 

Assunto: Blusas, pais e filhos

“Fala MauVal, aí vai o cadastro do Lucão, devidamente matriculado na escola da Carmela, com 4 meses de vida e de Ronquinha.
Esses dias estava lembrando de um Ronca lá pelos idos de 2006, na época do dial, em que o parça aí do programa, o Nandão, dizia ter visto duas situações de comportamento muito semelhantes entre Kurt Cobain e Renato Russo, onde ambos andavam em silêncio e descalços pelo palco, numa espécie de concentração ou algo assim antes do show. Esse parceiro disse ter presenciado ao vivaço essas situações, em momentos diferentes, claro, mas que ficou impressionado com a similaridade das duas cenas, personalidades, etc. Até hoje quando lembro disso MauVal, tenho arrepios, virou mitologia pessoal. E isso já faz 10 anos!
Além do papeamento que há no Ronca, e que é de utilidade pública e existencial, aprendo contigo nesses 14, 15 anos de audição coisas incríveis, tipo BOB DYLAN, The Fall, Husker Du, Rory Gallagher, e recentemente o Family. Simplesmente descabelante, lacrimejante, tudo isso!
Logo, logo o Lucão e eu estaremos desfilando com o manto do Ronca. E a xeretinha vai registrar!
Saudações Vascaínas, Governador. Abraços!”
Henrique

(Coelho Neto, RJ)